Cão de vítima de terremoto na Itália se recusa a abandonar caixão do tutor

Este sábado, Itália despediu-se de 35 das 290 vítimas do sismo que abalou o país, a semana passada. Num complexo desportivo em Ascoli Piceno, os caixões estavam alinhados e dezenas de pessoas choravam entes queridos e conhecidos.

Ao lado de um, no entanto, figurava um elemento especial: um cocker spaniel loiro sentava-se, imóvel, ao pé do tutor. Ninguém sabe o nome do cão, explica o The Telegraph, mas a imagem do animal, devoto ao guardião mesmo após a morte, está a comover o planeta.

Da história que os liga apenas se sabe o cenário: moravam em Accumoli, uma das comunidades mais afetadas pelos abalos que se fizeram sentir em Itália.

*Esta notícia foi escrita, originalmente, em português europeu e foi mantida em seus padrões linguísticos e ortográficos, em respeito a nossos leitores.

Fonte: Correio da Manhã

, , ,