Jovem que “surfou” em tartaruga para selfie pode ser multado

A foto de dois jovens “surfando” numa tartaruga viralizou na semana passada, causando muita indignação nas redes sociais. Ricky Rogers, de 26 anos, e o irmão dele subiram no casco de uma tartaruga nas Ilhas Fraser, na Austrália, e postaram a maldade no Facebook. As imagens chegaram às autoridades e, agora, eles podem ser multados em 20 mil dólares, cerca de R$ 64 mil, pela crueldade animal.

Em entrevista ao canal “7 News”, Ricky tentou se justificar, afirmando que o animal estava morto. “Nós tentamos ajudá-la porque pensamos que ela estava presa e quando chegamos mais perto percebi que ela estava morta. Sem pensar, nós subimos nela por cinco segundos e tiramos uma foto rápida”, disse.

Ele disse que sua ação foi um erro, acrescendo que ficou chateado porque as pessoas acharam que ele tinha feito mal ao animal. “Eu sou um amante dos animais, e eu nem mesmo deixo as pessoas matarem aranhas”, afirmou.

O serviço de Parques e vida selvagem de Queensland disse que os dois podem ser multados e os guardas investigam o incidente. “Há alguma evidências de que esta tartaruga estava morta momento da foto. Vamos investigar mais”, disseram as autoridades para a “CNN”.

Fonte: Extra Online

, , , ,